O que pode causar depressão?

A Depressão é um tema muito tratado, porém, muitas vezes, de forma errada. Calcula-se que cerca de 16% da população mundial já sofreu de depressão ao menos uma vez na vida. Os estudos sobre a doença se iniciaram em 1920 e na época, foi reportado que as mulheres possuem o dobro de chances do que os homens de se tornarem depressivas.

Depressão é uma doença séria e que pode ter resultados catastróficos para quem sofre com a enfermidade. Caracterizada por mudanças no humor e perda do prazer em realizar atividades cotidianas que antes eram prazerosas, a depressão tem origem neurológica, e apresenta como sintomas principais: tristeza profunda, falta de motivação e desânimo frequente.

A doença não se manifesta apenas pelos seus sintomas, apresentado um grave desequilíbrio químico no cérebro. Pesquisas com indivíduos clinicamente diagnosticados com depressão descobriam que eles possuíam alterações em seus neurotransmissores, o que provoca falha na comunicação entre os neurônios.

As causas da depressão não são apenas por consequência de um desequilíbrio químico no cérebro, e não é curada apenas com medicamentos.
Acontecimentos marcantes

Acontecimentos marcantes como divórcio, desemprego, traumas e o fim de um relacionamento amoroso são causas frequentes de depressão, mas as situações que favorecem o estresse prolongado, como discussões frequentes no trabalho ou em casa também pode levar à depressão porque faz com que a pessoa passe a duvidar de si mesma e de suas capacidades.

Desequilíbrio de neurotransmissores

A Depressão está associada a um desequilíbrio químico no cérebro causado por uma baixa quantidade de neurotransmissores como a serotonina e noradrenalina , tal desequilíbrio seria herdado geneticamente, isso explicaria por que existe uma incidência maior de sintomas depressivos em filhos de pessoas que sofrem dessa doença.

Diferenças biológicas

As pessoas que sofrem de depressão possuem mudanças físicas em seus cérebros. Mesmo não sabendo a significância exata que essas diferenças tenham, elas podem ser uma das causas do aparecimento da doença.

Genética

A depressão é mais comum de acontecer com uma pessoa que tenha parentes que também possuem a doença. Os pesquisadores estão estudando para encontrar os genes que estão envolvidos em sua causa.

Mudanças bruscas de hormônios

As alterações hormonais, principalmente a diminuição de estrogênios, que ocorre durante a gravidez, no pós-parto e na menopausa podem potenciar uma depressão.

Classificado como:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *