Quais alimentos evitar na enxaqueca?

Alguns alimentos contêm substâncias que, quando ingeridas, desencadeiam ou pioram a dor de cabeça. Para as pessoas que sofrem de enxaqueca, pode existir a sensibilidade para um ou outro alimento. O paciente deve procurar identificar ou associar a ingestão com o surgimento da crise, evitando a utilização daquele item. Separamos uma lista de alimentos que geralmente agravam a enxaqueca e devem ser evitados por quem sofre desse mal, confira!

Cafeína

Substância presente no chocolate, no café e em bebidas como chá preto e refrigerantes pode provocar enxaqueca se consumida em excesso. Segundo a Sociedade Brasileira de Cefaleia, o ideal é ingerir até 200 mg de cafeína por dia, distribuídas entre todos estes alimentos. Parar repentinamente de consumi-los não é bom, pois ocorre a abstinência de cafeína, o que também pode causar enxaqueca

Queijo

Especialmente no caso dos queijos que são envelhecidos ou fermentados durante anos usando diferentes técnicas de conservação (tais como defumação e salga), seus sabores são mais intensos e podem aumentar a enxaqueca. Tente não consumir queijo parmesão, prato, cuia, padanno ou pecorino.

Frituras

Elas são ricas nos ácidos graxos oléico e leonéico, substâncias que causam contração dos vasos sanguíneos cerebrais. As frituras também podem estar envolvidas no desencadeamento da enxaqueca

Jejum

Ficar sem comer por muitas horas também pode favorecer o aparecimento dos sintomas para algumas pessoas. Coma algo de 3 em 3 horas para evitá-la.

Glutamato monossódico

O glutamato monossódico (MSG) é um potenciador de sabor controverso adicionado a alguns alimentos chineses e processados ​​para melhorar seu sabor salgado. Relatórios de dores de cabeça em resposta ao consumo de MSG têm sido prevalentes por várias décadas, mas a evidência desse efeito é controversa, e nenhum estudo bem projetado mostrou uma ligação entre a ingestão de MSG e as enxaquecas.

Álcool

Bebidas alcoólicas têm histamina e tiramina, substâncias que pioram o quadro da dor de cabeça. Vinho, cerveja e champanhe são alguns exemplos.

Aspartame

O aspartame, encontrado em adoçantes artificiais, metaboliza no organismo substâncias como a amina e a fenilalanina, tornando-se assim um dos principais vilões desencadeantes da dor de cabeça. Para identificar se um produto industrializado tem ou não adoçante, deve-se ler a lista de ingredientes do produto, que está contida no rótulo.

Classificado como:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *