O que define psicopatia?

A psicopatia consiste num conjunto de comportamentos e traços de personalidades específicos. Encantadoras à primeira vista, essas pessoas geralmente causam boa impressão e são tidas como “normais” pelos que as conhecem superficialmente. No entanto, costumam ser egocêntricas, desonestas e indignas de confiança.

A psicopatia também é conhecida por Transtorno de Personalidade Anti-Social.

Quais as causas desse transtorno?

Não há causas claras e limitadas que tornam um indivíduo psicopata, porém alguns estudos mostram correlação com algumas disfunções cerebrais, entretanto um único fator não pode ser considerado como causa principal ou isolada da doença, ou seja, podem haver diversas razões que em conjunto desenvolvem a psicopatia.

Quais as características de um psicopata?

Os psicopatas acreditam plenamente que são superiores. Ninguém pode dizer-lhes nada ou dar-lhes conselhos, porque eles acreditam que são muito mais inteligentes do que o resto de nós. Isso pode ser perigoso quando eles mantêm uma posição de poder, por exemplo, em um ambiente de negócios, pois podem causar danos emocionais incalculáveis aos seus subordinados.

As pessoas com psicopatia têm níveis de ansiedade mais baixo do que a média. Em situações que uma pessoa normal estaria tremendo e demonstrando sinal não verbais de ansiedade, elas se mantêm frias.

Diagnóstico

É um diagnóstico muito difícil, que descreve determinados comportamentos e sintomas, mas eles precisam ser constantes e frequentes, e os doentes não conseguem se desvincular destes traços.

O quadro de psicopatia é um dos mais difíceis de confirmar. Por mais que os traços psicopáticos de um indivíduo sejam nítidos, garantir que eles compõem a personalidade do sujeito requer longo acompanhamento de um profissional adequado.

Os psicopatas têm consciência de que são diferentes?

Do ponto de vista intelectual, o psicopata pode até ter noção que determinada conduta é condenável, mas, em seu interior, ele não percebe quão errado é quebrar aquela regra. Ele também entende que os outros podem pensar que ele é diferente e que isso é um problema, mas não se importa.

Às vezes, os psicopatas estão mais perto do que se imagina, por isso é importante saber reconhecer os sinais e prestar atenção nas pessoas ao redor: alguém próximo pode estar sendo vítima de uma manipulação mal-intencionada sem ter se dado conta.

Classificado como:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *